IGS Web - O blog de Águas Belas - PE, a voz da resistência jovem!

Policial

Violência em alta: Em Águas Belas, mais um Banco explodido

Na ação pela madrugada, homens fortemente armados fecham a cidade e atacam Agência

Na madrugada deste domingo (30/07) por volta das 03hs:20min, mais um ataque a uma agência bancária aconteceu na cidade. O método utilizado pelos criminosos seguiu características comum a outras ações efetuadas em cidades da região (parte considerável das cidades do Agreste Meridional passaram por este mesmo problema), onde muitos homens armados fecharam algumas ruas da cidade utilizando-se de veículos, além de se dividirem em pequenas equipes distribuídas em pontos estratégicos e batedores que ficaram realizando rondas na cidade.

Na ação, os indivíduos fizeram alguns reféns, que após o término do ato criminoso, foram liberados sem ferimentos. A Agência do Banco do Bradesco que fica localizada na Praça Audálio Tenório, ficou parcialmente destruída, os bandidos tiveram como alvo o cofre da instituição.

Este tipo de assalto que tem se tornado uma prática cada vez mais crescente entre as ações criminosas, já ocorreu na cidade a pouco mais de 07 meses, como você pode assistir a matéria especial do IGS Web publicada no dia 14/12/2017 clicando neste link. O momento escolhido também foi outro ponto que chamou a atenção, pois na semana em que a Prefeitura Municipal formalizou o convênio com o Bradesco, através da abertura de contas dos funcionários, além de ter realizado o pagamento mensal dos funcionários com adiantamento da parcela do décimo terceiro, a ação ocorreu. Contudo, como ainda precisava de todo um processo legal e burocrático, os referidos pagamentos foram realizados via Banco do Brasil.

A sede da 4ª Companhia de Polícia Militar existente na cidade foi cercada mais uma vez, impossibilitando a ação dos poucos policiais que ali estavam, tendo em vista o grande poderio bélico dos assaltantes, quanto o número destes. Quando o reforço policial chegou, diligências foram feitas, mas até o momento sem sucesso.

Agora a cidade que já vinha sofrendo sem ter uma agência do Banco do Brasil com a função de saque, agora fica também sem atendimento do Bradesco por tempo ainda indeterminado.

Mas esta ação tem trazido à tona dois fatores importantes: a grande organização dos criminosos, com ações organizadas e com grande poder de fogo; como também tem exposto a ineficiência do Estado em combater tal crime.

Página:

http://igsweb.com.br/noticia/policial/2017/07/30/violencia-em-alta-em-guas-belas-mais-um-banco-explodido-/335.html