Esporte

A relevância da espiritualidade ligada à educação em Águas Belas - Por Juliana Tavares

Publicado dia 11/08/2017 às 23h05min | Atualizado dia 04/09/2017 às 13h27min
A modernidade e a condição do tempo nos dias atuais se faz necessário observar alguns pontos importantes, entre estes a espiritualidade e a educação

          Atualmente estamos vivendo momentos difíceis, momentos de reflexão e indignação. Constantemente somos bombardeados por notícias e fatos que ocorrem a cada instante em nossa sociedade, e diante disso nos questionamos: Como lidar com sabedoria e esperança diante da crise que nos acomete?

          A crise é inevitável, mas atravessá-la com fé e esperança de que dias melhores virão depende da forma de como cada um de nós enxerga essa travessia. Se faz necessário refletirmos e nos indignarmos com a crise de valores existente atualmente em nossa sociedade, não podemos cair na ideia de que tudo é “normal” e/ou “relativo. Desde os primórdios até os dias atuais todas as sociedades existentes tinham seu conjunto de regras para que a sociedade, o homem em si tivesse limite e vivesse de forma harmoniosa e pacifica com os demais. Infelizmente hoje há uma inversão de valores, e nós como cidadãos que ainda preservam alguns valores norteadores da vida em sociedade nos sentimos encurralados, andando contra a multidão. Nos sentimos de fato excluídos!

          Acredito que nosso maior questionamento seja: porque tanta coisa ruim está nos ocorrendo? Talvez eu não tenha a resposta mais adequada, mas defendo a ideia de que o homem a cada dia que passa se afasta pouco a pouco de Deus. A modernidade, a vida acelerada não permite que priorizemos um momento onde possamos alimentar nosso espirito, meditar na Palavra Sagrada. Eu pergunto: Quanto tempo da sua vida você tem dedicado a sua espiritualidade? Quantas vezes você ao menos ora o Pai-Nosso, ou qualquer outra oração que se aproxime de Deus? Quantas vezes lembra de agradecer pelo pão de cada dia ou pelo dia que findou? Essa talvez seja a maior crise atualmente, a ausência de Deus na vida e nos corações.

          Precisamos despertar e mudar de atitude. Precisamos colocar Deus em todos os espaços, seja no trabalho, escola, família, amigos e etc. Precisamos ser mediadores e influenciadores espirituais para todos que nos cercam. Enquanto integrante da Equipe de Ensino da Secretaria Municipal de Educação do Município, e refletindo sobre nossas constantes discussões e indignações sobre alguns fatos ocorridos em nosso município, reforço a ideia da parceria entre a escola e os representantes religiosos da nossa cidade com a finalidade de realizarem palestras, debates, diálogos e ações que despertem as crianças e jovens a repensarem suas práticas e com isso se tornarem melhores filhos, alunos e cidadãos para toda a vida.

A educação é o único meio, caminho, possibilidade de se apontar a direção certa. Considerando que vivemos num país livre, e que nosso ensino é laico, ou seja, desvinculado da religião, é que não quero aqui influenciar a nenhum seguimento religioso, apenas despertar para a importância de tratar nossa espiritualidade com o fim de melhorarmos enquanto seres humanos. Ressaltando ainda que temos inserido em nosso currículo a Lei 10.639 e a Lei 11.645 – Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena, onde o professor pode trabalhar a espiritualidade de alunos descendentes dessas etnias respeitando assim o culto e/ou divindade corresponde ao grupo étnico a qual pertencem.

A responsabilidade que nos foi confiada enquanto profissionais de educação não é fácil, mas gratificante. Somos agentes de transformação e mudança de vida, e principalmente temos um Ser superior (diante da minha crença, o chamo de DEUS) que nos orienta e capacita a cada manhã para agirmos com sabedoria e assim oportunizar uma nova perspectiva, chance ao nosso aluno que muitas vezes já tem desistido de si mesmo. Vamos todos dar as mãos em prol do mesmo objetivo e continuar construindo uma educação de qualidade em nosso Município.

Que Deus abençoe cada leitor!

Por Juliana Tavares

Fonte: Juliana Tavares


Fale Conosco

Rua da Esperança 18, Ipanema Águas Belas - PE
(87) 9961-38039 | (87) 9816-45063 |
contato@igsweb.com.br